Fernando Peixoto

7 DICAS PARA COMERCIALIZAR SEU PRODUTO DIGITAL

7 DICAS PARA COMERCIALIZAR SEU PRODUTO DIGITAL

No artigo anterior, postei um artigo: “Como criar e vender infoproduto na internet” que fala sobre a importância de impulsionar suas vendas na internet, mostrou também alguns tipos de produto digital que você pode comercializar.

Mas não basta produzir o seu produto digital e esperar que as pessoas vão comprar de você. Por quê? Se este é o problema por que ainda muitos outros conseguem vendas?

Para responde estas perguntas, você precisa saber de antemão vários pontos em mente para promoverem seus infoprodutos com as sete dicas básicas que precisa conhecer para fazer uma boa apresentação com seu produto digital, tendo um bom rendimento inicial neste mercado para manter também a sua motivação. Então, quais são as dicas importantes para se comercializar?

O QUE FALTA PAR VOCÊ PROMOVER SEU PRODUTO DIGITAL 

produto digital

Agora este é o momento que você pode descobrir as vantagens que muitos gurus conseguem fazer vendas significativas através das sete dicas abaixo, espero de alguma forma te ajudado bastante. Então, já comece transparecer quem é você nesta primeira regra.

  • REGRA #1 – SOBRE VOCÊ.

Não resta dúvida sobre esta primeira regra: “As pessoas só comprarão algo de você se conhecer o seu trabalho e a confiança”. Se você é está começando agora como empreendedor online, não desespere!

Procura investir e criar um blog para começar a escrever artigos sobre a área do seu nicho que quer explorar – assim, aos poucos as pessoas aprenderão que você sabe sobre o que está falando e também confiarão em você. A partir da segunda regra você precisa ter um bom conteúdo.

  • REGRA #2 – O CONTEÚDO É BOM?

Ninguém gosta de perder tempo com um produto digital sem conteúdo ou informações de baixa qualidade. Pois terá péssimos resultados a curto e em longo prazo.

Então, antes de vender alguma informação (não importa se é com um preço bem acessível ou não acessível), certifique-se de que o conteúdo é válido e que traga os resultados prometidos.

Quanto mais informação de qualidade você vender, mais e mais pessoas confiarão em você, o que significa também que a sua popularidade irá aumentar e ter a chance de vender boas informações que seus clientes vão achar o máximo. Você já ouviu falar de persuasão? Pois é, esta é a terceira regra que você vai aprender.

  • REGRA #3 – CRIAR PÁGINA DE VENDA PERSUASIVA.

Já parou numa vitrine de roupa que se chamou a sua à atenção? Qual foi a sua

reação? O exemplo disso traz uma valiosa informação: Chamar à atenção. O mesmo se dá com a internet você precisa ter a sua página de vendas que chame atenção para divulgar, promover e apresentar o seu produto digital.

Você não precisa criar páginas sofisticadas, apenas crie com o objetivo de convencer à pessoa a comprar. Também foque no visual agradável e de fácil navegação que devem ser feitas com um único objetivo – gerar vendas!

O que decidirá uma maior ou menor taxa de venda (CR – Convertion Rate) vai ser o conteúdo de suas páginas – a arte de se escrever conteúdos é chamada copywrite (não confunda com copyright – direitos autorais).

Existem várias técnicas para se aprender a escrever um conteúdo cativante e imperativo (que dá ordens aos seus leitores com “chamadas para ação”), mas o principal método para adquirir esta habilidade é simplesmente observar as páginas que chamam sua atenção.

Se você começar a observar como esta página é escrito – as lendo, as reproduzindo – você acabará por “pegar o jeito” de escrever (isto é uma técnica, não é uma ideia minha).

Outra coisa que deve observar nestes tipos de páginas é que elas não podem ter nenhuma ligação de terceiros que tire o leitor delas.

O objetivo destas páginas é convencer alguém a adquirir algo, então elas devem manter os leitores nelas o máximo de tempo possível para quebrar suas resistências de “compra”.

Procure colocar pacotes que chamem atenção do público com capa 3D, nesta quarta regra vai ajudar como fazer isso.

  • REGRA #4 – ELABORE CAPAS 3D PARA SEU PRODUTO DIGITAL.

Chegamos a quarta regra do artigo que é de suma importância. Não adianta você ter páginas de vendas bem construídas, se não fornecer uma embalagem ou capa 3D para seu produto digital. Por quê? Porque as pessoas terão dificuldades para perceber e associar um valor estimado por este produto.

  • VOCÊ NÃO CONSEGUE VENDER NADA NA INTERNET?
APRENDE A SACADA DIÁRIA PARA GANHAR 10 X MAIS COM SUAS VENDAS!!!  

*Seu email não será compartilhada com ninguém

Procure observar nos site e blogs que existem, poderiam conter apenas texto, mas o uso de imagens serve não apenas para personalizar e tornar mais agradáveis de vê lê e navegar, mas também para que as pessoas possam materializar suas experiências. Procure ler estes artigos abaixo que foram postados anteriormente, de certa forma pode ajudar na criação de capas.

Como ganhar dinheiro com capas 3D no seu site

Como criar capas para e-book

O produto digital, uma capa além de ajudar a materializar sua obra, irá fazer com que os compradores tenham o sentido de posse excitado. Pois mesmo sabendo que é um produto digital, o simples fato de eles “verem” o produto, já satisfaz suas necessidades de posse em algo material (não se esqueça de colocar a imagem da capa dentro do pacote do produto também).

Para a criação de capas, existem programas dedicados para isto assim como você pode criar suas próprias capas com programas editores de imagens, programas de edição vetorial ou mesmo com programas de edição gráfica em 3D. Agora é momento de inserir produto digital que será explicado na quinta regra.

  • REGRA #5 – PROMOVER SEU PRODUTO DIGITAL.

Promover seu produto digital não é apenas divulgá-lo no máximo de mídias possíveis. Você deve mostrar claramente qual é a finalidade de seu produto digital, qual o resultado que seus compradores terão. Mas se você fizer isto apenas em anúncios, as pessoas verão isto apenas como propaganda. Então, o que você precisa fazer?

  1. Crie materiais relacionados com o seu produto digital. Mostre quais os problemas que as pessoas enfrentam que o seu produto digital soluciona.
  2. Escreva artigos como materiais promocionais, que podem ser distribuídos no Artigonal ou até mesmo fazendo um Guest Post que é um post convidado, ou seja, um post escrito por outra pessoa que não é o dono do blog.
  3. Procure por fóruns que tratam de questões relacionadas ao seu produto digital.
  4. Participe de grupos relacionados também nas mídias sociais e grupos de discussão.
  5. Promove seu produto digital através de suas listas de e-mails, jamais compre listas para queimar sua reputação.
  6. Faça vídeos de apresentação no YouTube do seu produto digital para distribuir.

Utilize palavras chaves no Google Adwords que também são muito interessantes que trazem pessoas cujas palavras chaves que demonstram interesse no que você está oferecendo.

Normalmente, estes programas são utilizados com listas de e-mails que você ofereça um brinde relacionado ao seu produto digital clicando pelo link que direciona em outra página de venda para receber as pessoas fornecerem seus nomes e e-mails.

Sendo assim, não precisará gastar mais dinheiro para entrar em contato com estas pessoas além de que poderá enviar materiais promocionais para elas enquanto elas estiverem em sua lista de e-mails.

Vale ressaltar, que você não é obrigado a fazer tudo isso, mas lembre-se que tudo isso é uma forma simples de apresentação (propaganda) do seu produto digital.

Deixar de fazer a maior parte disso, não trará grandes vendas. Mostre ao seu público alvo deixando bem claro no conteúdo que serve e como resolver um problema tendo um retorno muito maior.

Resolvendo os problemas acima, neste momento você precisa inserir pagamento, como assim? A sexta regra é fundamental para facilitar os pagamentos que aumentam suas vendas.

  • REGRA #6 – A AQUISIÇÃO FACILITADA DO SEU PRODUTO DIGITAL.

Com a crise crescente no Brasil devido às corrupções que acontecem por aí, você tem a obrigação de passar segurança de quem vai comprar seu produto digital.

Não basta apenas crer que um botão de compra é tudo, mas é preciso está atenta à

outra coisa que não devemos descartar – “entrega do produto”. Muitos marqueteiros parecem não dar muita importância a isto – o máximo que fazem é oferecer a opção de pagamento por PagSeguro ou Pagamento Digital e pensam que isto é tudo.

Além de opções de pagamentos, você deve facilitar e agilizar a entrega do produto o mais rápido possível. Mas esta parte já fica a cargo destas plataformas seguras, inclusive a Hotmart que faz todo este trabalho para você que só precisa apenas configurar e ter boas vendas.

Outra coisa também muito importante é o suporte, muitos deixam a desejar nesse sentido, se uma pessoa lhe escrever pedindo um esclarecimento, você não precisa responder imediatamente, coloque um aviso sobre a sua resposta no máximo em 24 horas, 48 horas, 72 horas não importa quais sejam.

Deixa a pessoa ciente disso, procurando fornecer este esclarecimento o mais rápido possível, que o ajudará a tomar a decisão de compra mais rapidamente e de forma firme.

Se você vende seu produto digital pela primeira vez, dificilmente terá reconhecimento dos produtos, para isso você precisa de testemunho das pessoas que compraram de você para comprovar a eficácia do seu produto. Como assim? Por fim, você vai aprender nesta sétima regra que vai te ajudar a formalizar seus testemunhos de forma certa.

  • REGRA #7 – TESTEMUNHO COERENTE E EFICAZ.

A inserção de testemunhos em páginas de venda aumentam grandes chances de vendas imensamente. Mas tome cuidado para não fornecer testemunhos falsos ou que não podem ser verificados. Um exemplo disso você pode observar em alguns sites brasileiro com testemunho neste formato da figura:

produto digital

Você já viu algo semelhante como este? O que há de errado nisso? Simples, hoje estamos saturados de testemunhos falsos e a forma acima não permite que um potencial comprador entre em contato com a pessoa que deu o testemunho.

Às vezes as pessoas entram em contato com a pessoa que dá o testemunho para se sentirem mais seguras, se não conseguirem este contato, julgam que o testemunho é falso.

Então, como você pode adquirir testemunho coerente e eficaz? Entre em contato com inscritos de suas listas de e-mails e selecionar algum para quem você irá fornecer uma cópia gratuita do seu produto digital em troca do compromisso de realmente utilizarem as técnicas ensinadas e fornecerem suas opiniões sinceras.

Sendo assim, você poderá colocar de preferência um testemunho em vídeos ou descrita nesta figura abaixo:

produto digital

No formato acima, se uma pessoa quiser verificar a veracidade do testemunho, irá acessar o site ou blog da pessoa e entrar em contato com ela. Este é um método mais essencial. Mas, fique atento se o domínio inserido está funcionando corretamente para facilitar os que querem comprovação.

MINHAS CONCLUSÕES

Se você observar, estas sete regras já traz bons resultados nas suas vendas. Portanto, não desperdice a sua oportunidade de investir no seu negócio online seriamente. Ser um empreendedor significa também ser ético profissional. Assim sendo, gerará boas vendas e reconhecimentos por todos, desde que o seu produto que promove seja muito bom para quem precisa de ajuda.

 

Sobre o autor | Website

Trabalho como Consultor de Marketing desde de 2009 apontando caminhos mas eficazes para chegar ao objetivo. Sempre mantenho focado sobre conteúdos relevantes para blog!

  • VOCÊ NÃO CONSEGUE VENDER NADA NA INTERNET?
APRENDE A SACADA DIÁRIA PARA GANHAR 10 X MAIS COM SUAS VENDAS!!!  

*Seu email não será compartilhada com ninguém